Black Friday

A moda chegou a Portugal há pouco tempo, num conceito bastante anglo-saxónico, mas entrou em força com o El Corte Inglês e é agora seguido por várias multinacionais, desde o vestuário aos electrodoméstico e às tecnologias. São vários os folhetos promocionais a aludir para descontos nesta época, mas os norte-americanos continuam a oferecer as maiores loucuras, caos mesmo, nas Black Fridays.

Mas não é somente nos EUA, também na antiga colónia britânica e hoje território chinês Hong Kong o frenesim é bem visível.

Uma data ou uma época que dá para as mais diversas e peculiares campanhas.

No entanto, são cada vez os trabalhadores nos EUA a aderirem a greves em protesto contra os baixos salários e abusos nos horários.

Se nunca viram a forma como as pessoas parecem possuídas durante as Black Fridays, eis mais alguns exemplos.

Ainda querem ir às compras amanhã?