Veja o MOMENTO que ENFERMEIRO percebe que estava a tentar REANIMAR TERRORISTA! :O


David de 45 anos, foi um dos corajosos enfermeiros que estava de folga e que rapidamente chegou ao Café Comptoir Voltaire no 11º Bairro, um dos locais dos atentados de Paris. Chegou ao Café e imediatamente começou por reanimar um homem que estava no meio dos destroços do Café com um grande ferimento lateral. Para David era um ferido de uma possível explosão de gás, nunca pensou que pudesse ser um atentado. Só quando o seu colega disse para retirar a t-shirt do homem para facilitar a reanimação é que David e o colega viram os fios em volta do homem no interior da sua roupa.

Em entrevista à Reuters, David disse: ”Ele estava inconsciente, ele não tinha nada de especial, mas notei que num lado do corpo havia um enorme buraco. Tinha um grande buraco lateral, mas nunca pensei que fosse um bombista-suicida! Naquele momento, é um cliente como os outros que sofria de uma explosão de gás e que devia ter-se ferido em alguma coisa. Mas o ferimento era enorme. No chão havia sangue, e reparei nos parafusos no chão. Então, percebi imediatamente. É uma explosão (que fez a ferida no seu lado), é um bombista-suicida. Naquele exacto momento que percebi o que ele era, os serviços de emergência chegaram”.

Quando os serviços de emergência chegaram ao Café, David disse aos Bombeiros que o homem tinha um fios em volta do corpo e os parafusos no chão, imediatamente os Bombeiros ordenaram a evacuação do café, pois havia perigo de nova explosão. Apenas nesse momento David e o colega se aperceberam do perigo em que se tinha colocado. “Eu sabia, eu sabia que ele estava morto, mas eu disse para mim:”Se houver uma hipótese, porque não tentar salva-lo? Mas sem saber quem ele era senão nunca o tinha feito!”.

 

https://youtu.be/f_kHbSdCICw