Testar a qualidade das ciclovias de Bruxelas


Este é um excelente exercício para replicar por outras cidades. Não basta criar as ciclovias, é necessário assegurar-se que não existem obstáculos como os identificados por este vídeo, realizado com esse propósito, alertar para os perigos e falta de ‘consciência’ arquitectónica, de desenho e de engenharia na inserção de alguns destes troços na capital belga.

Na capital de um dos grandes países do ciclismo, o ‘pai’ das clássicas e local de onde é o maior de sempre, Merckx, não deixa de ser curioso.

Um vídeo para se ver, observar bem e partilhar, mesmo olhar em cada cidade que se more e tenha este ‘serviço’, que todas já deveriam possuir, pela saúde, pelo meio-ambiente, pelas pessoas, analisando pontos de risco.

Muito bem realizado!