Queriam que mãe matasse um filho para salvar outros dois!! O que fez esta mãe é IMPRESSIONANTE!


Uma mulher Australiana viu-se na difícil situação de ter que escolher entre os filhos. A sua gravidez foi bastante complicada, estava grávida de trigêmeos. Chloe Dunstan de 22 anos teve de decidir se continuaria a sua gestação, o que teria como consequência a morte de um dos bebés (neste caso a menina), que ficaria privada de oxigénio e nutrientes. Desta forma ela conseguiria salvar os dois meninos. Ou então poderia antecipar o parto para a 28ª semana, o que acabaria por colocar os 3 bebés em perigo de vida.

Chloe acabou por optar por fazer um parto precoce. Dia 3 de Julho nasceu: Henry(1370gr), Rufus(1200gr) e Pearl (690gr). Todos eles precisaram de transfusões de sangue. “Pearl teve PDA (persistência do ducto arterioso, uma condição cardíaca congênita em que o canal de comunicação entre a aorta e a artéria pulmonar permanece aberta, quando deveria se fechar), mas que fechou sozinho, teve hemorragia pulmonar, um pequeno sangramento no cérebro, uma horrível infeção e houve dias em que não tínhamos certeza se ela conseguiria sobreviver, principalmente nas primeiras semanas, quando respirava com a ajuda de aparelhos”, disse Chloe.
Se fossem vocês o que fariam?


Os irmãos mais velhos com o recém-nascidos ao colo 🙂