O QUE O ALOE VERA FAZ NO SEU CORPO: PORQUE É QUE OS EGÍPCIOS LHE CHAMARAM A PLANTA DA IMORTALIDADE


Conhecido pelos egípcios como a planta da imortalidade e para os nativos americanos como a varinha do céu, o aloé vera vem com uma grande variedade de incríveis propriedades medicinais – algumas das quais já deve estar ciente. Pode até ter a sua própria planta de aloé vera em casa para as pequenas emergências como arranhões, cortes e queimaduras, mas sabia que o aloé vera não é apenas limitado ao uso externo e é realmente ainda mais benéfico para o seu corpo quando ingerido?

Aloé vera contém mais de 200 componentes biologicamente ativos, que incluem polissacarídeos, vitaminas, enzimas, aminoácidos e minerais que promovem a absorção de nutrientes.

De acordo com o Jornal de Ciência Ambiental e Saúde, o aloé vera também possui propriedades antibacterianas, antiviral e antifúngicos que ajudam o sistema imunológico na limpeza de toxinas do corpo e patógenos invasores. Mas não é tudo.

Minerais

Aloé vera tem imensos minerais, incluindo cálcio, magnésio, zinco, cromo, selênio, sódio, ferro, potássio, cobre e manganês. Estes minerais trabalham juntos para impulsionar as vias metabólicas.

Enzimas

Aloé Vera contém enzimas importantes como amílase e lípase que pode ajudar na digestão por demolir gordura e moléculas de açúcar. Uma molécula em particular, Bradykinase, ajuda a reduzir a inflamação.

Vitaminas

Um estudo mostrou que o aloé vera realmente contém vitamina B12, que é necessária para a produção de glóbulos vermelhos. Isso seria uma grande notícia para vegetarianos e veganos em particular, que muitas vezes não recebem quantidades adequadas de B12 através da sua dieta regular. Tenha em mente, no entanto, que foi apenas um exemplo e não deve confiar em aloé sozinho para as suas necessidades diárias de b12.
Outros estudos têm demonstrado que tomar aloé pode ajudar com a biodisponibilidade de vitamina B12, o que significa que o corpo pode mais facilmente absorver e utilizá-la o que pode prevenir o seu défice. Aloé vera é também uma fonte de vitaminas A, C, E, ácido fólico, colina, B1, B2, B3 e B6. Embora seja difícil dizer se podemos confiar em Aloé como uma fonte de B12, ele pode ser usado em conjunto com um suplemento para ajudar a aumentar a absorção

[adinserter block=”6″]

Aminoácidos

Aloé vera contém 20 dos 22 aminoácidos essenciais que são exigidos pelo corpo humano. Ele também contém ácido salicílico, que combate a inflamação e bactérias.

Outros usos do Aloé

Além de ser um excelente limpador do corpo, removendo a matéria tóxica do estômago, rins, baço, bexiga, fígado e cólon, o aloé também pode oferecer alívio eficaz de doenças mais imediatas, como indigestão, dor de estômago, úlceras e inflamação no intestino. Ele também fortalece o aparelho digestivo e alivia a inflamação das articulações, tornando-se uma ótima opção para doentes de artrite.
Um estudo descobriu que o sumo de aloé vera, quando tomado da mesma forma como um elixir bucal, foi tão eficaz na remoção de placa como o elixir comum. Esta é uma alternativa muito melhor, porque é totalmente natural, ao contrário das típicas opções químicas existentes nas lojas.
O gel de Aloé vera também é usado para curar eficazmente úlceras na boca, que são mais comumente conhecidas como aftas.

Como tomar Aloé?

Aloé pode ser consumido diretamente da planta, mas a opção mais fácil e mais saborosa é provavelmente o sumo de aloé, que pode encontrar na maioria das lojas de alimentos saudáveis. Também pode comprar as folhas em muitas mercearias comuns, ou colher o seu próprio sumo.

Pode comprar o sumo e misturá-lo com os seus sumos e smoothies ou apenas beber diretamente. Certifique-se de que está a comprar o puro sumo de aloé / gel. Ele tem um gosto um pouco amargo pelo que pode querer incluir outras coisas. Na garrafa pode encontrar instruções de dosagem específicas, mas seria sensato falar com um especialista em saúde natural ou fazer alguma pesquisa sobre o assunto para encontrar instruções sobre a dosagem específica.