Mercados de Natal simplesmente…. fabulosos!


Os mercados ou feiras de Natal são cada vez mais comuns nas baixas, nos centros históricos das cidades. Seja para revitalizar o comércio local e tradicional, para criar um maior espírito natalício, quase totalmente desvirtuado pela frieza dos enormes centros comerciais, o número de urbes a aderirem a esta ‘moda’ cresce e, se bem pensados, melhor desenhados e superiormente construídos e desenvolvidos, o sucesso é grande.

Naturalmente, uns brilham mais do que outros e estas fotografias dão um pequeno ar do porquê.

Bolzano é a capital ‘germânica’ de Itália, situada nos Alpes, em pleno SudTirol ou Alto Adige, onde a língua-mãe continua a ser o alemão. Já por várias vezes foi considerada pelos italianos como a cidade transalpina com melhor qualidade de vida.
http://i.huffpost.com/gen/2369782/thumbs/o-BOLZANO-ITALY-CHRISTMAS-570.jpg?1

Situada na Alsácia francesa, Colmar é mais uma cidade com ligações germânicas, tendo feito parte do império alemão e fruto de disputa secular entre franceses e alemães, notando-se na sua arquitectura a forte influência teutónica. Colmar é também a capital do vinho alsaciano, imaginando-se por isso que o seu mercado natalício seja bem regado.
http://i.huffpost.com/gen/2369796/thumbs/o-COLMAR-FRANCE-CHRISTMAS-570.jpg?1

Outra localidade do Sud Tirol/Alto Adige, Trento possui uma das melhores universidades de Itália e, tal como Bolzano, está no topo das cidades com melhor qualidade de vida no país.
http://i.huffpost.com/gen/2369808/thumbs/o-TRENTO-ITALY-CHRISTMAS-570.jpg?1

Do outro lado da fronteira Innsbruck, capital do Tirol austríaco, plena de monumentos magníficos e com a sua feira de Natal a ser um dos grandes eventos anuais da cidade.
http://i.huffpost.com/gen/2369822/thumbs/o-INNSBRUCK-AUSTRIA-CHRISTMAS-570.jpg?1

Para que se perceba a influência germânica nesta tradição, deixamos mais uma urbe bem perto da fronteira alemã, Estrasburgo, capital da Alsácia e com a língua alemã ainda bastante presente. A sua feira natalícia é sublime!
http://i.huffpost.com/gen/2340316/thumbs/o-CHRISTMAS-MARKETS-570.jpg?1

Se as festas das flores são famosas no Báltico, o mercado de Natal de Tallinn, capital da Estónia, também o é, sob o signo da neve, cheio de barraquinhas a fazer lembrar as casas dos duendes no Pólo Norte.
http://i.huffpost.com/gen/2369836/thumbs/o-TALLINN-ESTONIA-CHRISTMAS-570.jpg?6

A feira de Bratislava é conhecida pelos seus eventos ao vivo, muito animada, com concertos e outras actuações de nota na cidade antiga.
http://i.huffpost.com/gen/2369844/thumbs/o-BRATISLAVA-CHRISTMAS-570.jpg?1

O mercado de Salzburgo, na Áustria, é enorme, quase se ajustando à imensidão dos castelos na zona velha da cidade.
http://i.huffpost.com/gen/2369992/thumbs/o-SALZBURG-CHRISTMAS-MARKET-570.jpg?6

Se para os habitantes de Wroclaw Portugal é sinónimo de gémeos Paixão, que vão fazendo as delícias aos silésios marcando golos em catadupa pelo Slask, a sua feira natalícia devia ser conhecida pelos portugueses também. Aconchegante e animada, também surge naturalmente da influência germânica.
http://i.huffpost.com/gen/2369862/thumbs/o-WROCLAW-POLAND-CHRISTMAS-570.jpg?1

Em Brugge, na Bélgica, o mercado também é maravilhoso, iluminado e cheio de chocolates!
http://i.huffpost.com/gen/2369960/thumbs/o-BRUGES-CHRISTMAS-570.jpg?4

Porque Viena não vale apenas pela música clássica, pelo Danúbio, pelos fantásticos monumentos, é outra feira que merece destaque.
http://i.huffpost.com/gen/2340336/thumbs/o-CHRISTMAS-MARKETS-570.jpg?1

Terceira escolha italiana, terceira localidade do Sud Tirol/Alto Adige, Merano é famosa por ser a escolha residencial de nomes como Lagerfeld ou Kafka, mas o seu mercado de Natal quase faz sombra às conhecidas termas locais.
http://i.huffpost.com/gen/2369946/thumbs/o-MERANO-ITALY-CHRISTMAS-570.jpg?1

Dresden também maravilha
http://i.huffpost.com/gadgets/slideshows/266821/slide_266821_1822246_free.jpg
ROBERT MICHAEL/AFP/Getty Images

Poderíamos continuar e explorar todas as cidades germânicas, que quase competem entre si pela mais bela, maravilhosa, marcante, diferente, visitada feira da Natal, mas estas bastam para se compreender o seu valor!