Evite comer estes alimentos antes de ir dormir! Uma ajuda no “emagrecimento” e, surpreendentemente, na qualidade do seu sono.

Muitos de nós, tem cuidado com aquilo que come antes de ir dormir. No entanto, pensamos no sentido das implicações físicas que isso terá, nomeadamente, quando queremos perder peso. Porém, surpreendentemente, tal também pode influenciar a qualidade do nosso sono, o que, por sua vez, afeta o nosso dia.

Começando pelo objetivo de emagrecer e, com isso, ganhar saúde, o melhor é mesmo apostar numa perda de peso gradual. O ideal é combinar exercício físico com uma dieta variada e equilibrada. Eis a “chave” do sucesso. Contudo, tudo depende das escolhas que fazemos.

A noite é um dos momentos “críticos”, no que à alimentação respeita. De facto, como destaca o site da revista norte-americana Women’s Health, é preciso ter uma especial atenção aos alimentos que são ingeridos nesta altura do dia, uma vez que o processo digestivo se torna mais lento e o metabolismo tem tendência para desacelerar. Mas não só, existem outros fatores a ter em conta, especialmente no que diz respeito à qualidade de sono, que é muito afetada pelos alimentos ingeridos e que afeta diretamente aquilo que se come ao longo do dia.
[adinserter block=”8″]
Por exemplo, o chocolate negro até pode ser uma opção saudável, mas o problema é que contém cafeína e açúcar, possibilitando uma mais fácil acumulação de gordura durante a noite, como explica a dietista Betsy Opyt.

Outro alimento que importa referir é o óleo de coco. Este deve ser evitado, à noite, devido à presença de gorduras saturadas, que para além de proporcionar um ganho de peso, é de difícil digestão. Também as comidas picantes são de evitar, pois podem causar azia e problemas de coração, causando desconforto e prejudicando a qualidade do sono, que fica também aquém do desejado quando se consome vinho.

Por serem ricos em hidratos de carbono simples, açúcar e gordura, os alimentos processados devem ser banidos da alimentação noturna.