Casal morreu de mãos dadas com poucas horas de diferença


Trent, de 88 anos, e Dolores, de 83, morreram como viveram: juntos.

Trent e Dolores estavam casados há mais de 63 anos, morreram de mãos dadas, com sete horas de diferença entre si. Esta fotografia cedida pela filha do casal norte-americano está a comover as redes sociais.

[adinserter block=”8″]

Trent deu entrada no hospital após sentir dores nos intestinos, tratando-se então de um problema renal que rapidamente se agravou, ao que, Dolores pediu à equipa médica que acompanhava o seu marido para a deixarem ficar juntos deles.

Um dia depois de Trent ter sido internado, Dolores começou a queixar-se de dores de cabeça. No dia 9 de dezembro, acabou por sofrer um aneurisma cerebral, enquanto o marido dormia. Os médicos declararam o óbito às 21.10 horas locais, sete horas mais tarde, depois de ter descoberto que a sua mulher tinha morrido, Trend faleceu também.

[adinserter block=”8″]
“Ela partiu, e ele não conseguiu lidar com isso. Não tinha pensado sequer nesta hipótese. Morreu com o coração partido. Nunca, nem num milhão de anos, pensei que fosse sair do hospital sem nenhum dos meus pais”, disse à imprensa norte-americana Sheryl Winstead, a filha do casal e autora da fotografia que está a comover os cibernautas na internet.