Ao passar pela capoeira, este agricultor descobriu algo que não é todos os dias que se vê!


(Última atualização em: 15 Março, 2017)

Quando galinhas põem ovos, o seu instinto é sentarem-se neles para mantê-los quentes até que choquem. Então, quando os pintainhos novos são ainda minúsculos e frágeis, a mamã recolhe-os sob ela até que sejam grandes o suficiente para permanecerem quentes por si próprios.

Claro, algumas galinhas têm tanto amor, que gostam de compartilhá-lo com bebés que não são exatamente … deles. Ou isso, ou estão apenas um pouco confusas sobre a coisa da maternidade e estão a experimentar todas as suas opções.

Embora nem sempre pensemos em galinhas como animais amigáveis, elas são realmente muito afetuosas. Elas não têm problemas em fazer amizade com todos, mesmo que pareçamm um pouco diferentes.

Esta galinha em particular encontrou alguns gatinhos no seu ninho. Aparentemente, a gata pensou que o ninho era tão aconchegante para os seus filhotes como para os pintainhos e usou-o para sua vantagem.

Mas a galinha não se alarmou ao encontrar esses bebés estranhos na sua casa. Na verdade, ela prontamente assumiu o papel de maternidade, deitando-se neles para compartilhar um pouco do seu calor.

Como poderia esperar, é a coisa mais bonita que vai ver hoje.

As galinhas vão-se sentar sobre os ovos enquanto os pintos se desenvolvem lá dentro. Os pequenos pintainhos ao nascer vão gostar de sair sob a sua mãe para o seu calor e segurança.

Então, quando um galinha de poleiro se levanta, isso é o que geralmente encontramos debaixo dela.

Mas nem sempre.
[adinserter block=”8″]

Este foi o caso com esta galinh, que se encarregou de oferecer “coberto maternal” a alguns gatinhos. Ela voltou ao seu ninho e ao descobrir que o gato da família tinha dado à luz lá, e parece estar feliz em adotar os gatinhos como seus próprios.

E os gatinhos não parecem ter problemas com isso. Afinal, alguns conforto e calor é, provavelmente, sempre bem-vindo. A mãe gata, no entanto, estava bastante confusa quando ela encontrou uma galinha muito protetora guardando os seus bebés, e não quis deixá-la perto deles!

Eventualmente, a galinha compartilhou as tarefas de mãe com a gata, graças a alguma intervenção humana. Apesar de tudo, os gatinhos necessitavam de se nutrirem através da sua mãe biológica.

Os gatinhos não parecem importar-se com o facto de ter pais de espécies diferentes. Eventualmente, no entanto, a mãe gata mudou-os para um novo local onde ela poderia assumir a maternidade a tempo inteiro.