10 dicas infalíveis para quem tem que secar a roupa dentro de casa


Deixar o varal organizado não é uma questão estética, mas de facilitar a secagem e evitar que as peças fiquem amassadas. Confira essa e outras dicas

Se lavar roupa não é uma tarefa fácil, imagine colocar as peças para secar em um ambiente pequeno ou sem área livre. Este tipo de situação é comum na vida de quem mora em apartamentos, onde na maioria das vezes há apenas uma pequena área de serviço. Frente a esta situação, a autora do livro “Limpe e Arrume sua Casa”, Anna Shepard, dá algumas dicas para facilitar a vida de quem ainda sofre com este problema.

Dicas para uma secagem de roupas eficaz
1. Escolha o varal
Dependendo de onde você mora, há varais que podem ser úteis e outros que podem atrapalhar a locomoção e, até mesmo, o processo de secagem das roupas. Por esta razão, escolha o melhor varal levando em consideração que existem o de parede, teto ou até mesmo aqueles que ficam no chão.

2. Evite aquecedores
Os aquecedores podem até acelerar o processo de secagem, mas eles também vão contribuir para deixar as peças mais duras e até mesmo provocar o encolhimento das roupas. Além disso, provocam a condensação, deixando a peça com o odor de mofo.

3. Deixe janelas abertas
Permita que o vento circule pela área, por isso abra o máximo de janelas que tiver por perto. Em alguns casos, até o sol pode entrar e ajudar no processo de secagem das roupas. Esta dica é válida não só para acelerar a secagem das peças, mas também para evitar a condensação, procedimento que resulta em umidade e mofo.

4. Esprema as peças
Retirar o acúmulo de água que fica nas peças é o mais indicado, pois evita que as roupas fiquem muito encharcadas e demorem para secar. O tempo em que elas passam no varal pode definir o cheiro que elas vão ter no final do processo, quanto mais tempo demorar, com mais cheiro de mofo elas podem ficar.
[adinserter block=”8″]
5. Sacuda as roupas
O tempo entre retirar o excesso de água das peças e estendê-las no varal, deve ser usado para sacudir as roupas. Este tipo de técnica é eficaz para evitar que as peças fiquem muito marcadas, facilitando a passagem das roupas após a secagem.

6. Organize o varal
Deixar o varal organizado não é uma questão estética, mas sim de facilitar a secagem e evitar que as peças fiquem amassadas. Por isso, se o seu varal for o de chão com prateleiras, deixe as peças pequenas como calcinha, cueca, sutiã e meias na parte inferior. Já na parte superior, deixe espaço para as peças grandes, como calças, blusas, shorts etc.

7. Atenção ao espaçamento
Há quem coloque as roupas no varal umas coladas nas outras. Porém, este tipo de técnica não é interessante, tendo em vista que assim o vento não pode circular entre as peças e fazer com que elas sequem totalmente. Por esta razão, prefira dar um espaçamento em cada item do varal, facilitando assim a secagem por inteiro.
[adinserter block=”8″]
8. Utilize cabides
Cabides podem substituir os pegadores quando as peças são camisetas, jaquetas ou vestidos. Assim, eles evitam que as roupas fiquem amassadas. Ainda com relação a esta técnica, há uma outra dica, isto é, pendure no chuveiro antes de levar para o varal. Espere parar de pingar para fazer a transferência.

9. Cuidado com as peças de lã
As roupas feitas de lã são muito sensíveis, por isso não é indicado colocá-las estendidas em varais. Entretanto, é necessário deixá-las secar, evitando a umidade e o cheiro de mofo que podem surgir. Por isso, opte por deixá-las em cima de uma superfície planta, próxima às janelas. De preferência, elas devem ficar sobre uma toalha branca.

10. Use o ventilador
Caso o bairro onde você mora tenha o ar muito poluído ao ponto de não ser conveniente deixar as janelas abertas por muito tempo ou se o clima fechar, você pode usar o ventilador a seu favor. Ligue o aparelho e deixe-o um pouco longe das roupas estendidas. Esta técnica acelera o processo de secagem das peças, inclusive das mais grossas.