10 coisas que nunca, mas mesmo NUNCA deve fazer ao seu cão


Cuidar de um cão é sem dúvida uma das experiências mais gratificantes que existem, mas apenas se o fizer direito.

Há um monte de maneiras de errar ao treinar e cuidar de um cão, e até mesmo os melhores, os proprietários de cães mais bem intencionados cometem alguns erros graves.

Mas atenção, como dono de cães é seguro dizer que eles também fazem imensas asneiras. Diga-se, ninguém é perfeito, e alguns erros são perdoáveis. O vínculo que você e o seu cão tem é forte o suficiente para resistir a um passo em falso aqui e ali.

No entanto, existem algumas coisas que mesmo o vínculo mais forte não irá corrigir. Há mesmo alguns erros que pode fazer que podem colocar o seu cão em perigo mortal.

Estas são as 10 coisas que nunca deve fazer ao seu cão. Alguns podem parecer inofensivos, mas cada vez que os faz, coloca a saúde emocional ou física do seu cachorro em risco.

1- Deixar o cão sozinho no carro

Seja qual for a época do ano, deixar o seu cão sozinho no carro coloca-o em risco de ser roubado, já para não mencionar as consequências mortais de um carro superaquecido, mesmo com as janelas abertas. Se não puder levar o seu cão consigo onde quer quevá, deixe-o em casa!

2- Dar-lhe mimos quando não deve

O seu cão nunca vai aprender o que é certo ou errado se estiver sempre a “sufocá-lo” com mimos, mesmo quando eles fizeram algo errado. Sim, cachorros culpados têm aquela carinha adorável, mas ainda assim eles precisam de aprender o que está certo ou errado, especialmente quando se trata de beliscar ou morder.

3- Enchê-lo de comida

Guloseimas são uma ótima maneira de motivar um bom comportamento, mas se exagerar, pode estar a colocar a saúde do seu cão em risco. Certifique-se que mantém um olho nas opções mais saudáveis.

4- Esquecer-se dos dentes dele

É recomendado que os cães tenham os seeus dentes escovados diariamente. Muitos cães sofrem de doenças e infecções dentais que não são tratadas, por isso, certifique-se de que seu veterinário verifica os dentes do seu cão pelo menos uma vez por ano.

5- Usar a trela errada

Cada raça do cão tem as suas próprias necessidades específicas no que toca à trela. Pergunte ao seu veterinário e faça a sua pesquisa antes de comprar a trela para o seu cão.

6- Deixar que o cão lhe diga para onde ele quer ir

Quando leva o seu cão para uma caminhada, não deixe que seja ele a guiá-lo. Isso pode levá-los a correr acidentalmente no trânsito ou uma série de outros comportamentos perigosos e indisciplinados. Se reparar que isso está a acontecer, compre uma trela curta e desencoraje esse comportamento do seu cachorro.

7- Negligência na esterilização

Isto é muito importante. Uma quantidade inimaginável de cães tem que fazer abortos nos canis todos os dias como resultado de gravidezes inesperadas. Não deixe que o seu cão contribua para esta triste tendência.

8- Partilhar comidas perigosas

Partilhar a sua comida com seu companheiro canino pode ser aceitável, mas só em raras ocasiões, mas certifique-se de que o que lhe está a dar não é perigoso ou mortal, como chocolate ou carne no osso. Faça a sua pesquisa antes de compartilhar as suas sobras!
[adinserter block=”8″]
9- Bater no seu cão

Dar com um jornal no cão, bater num cão de qualquer forma como forma de punição irá diminuir a sua confiança e fazer o seu cachorro fiquemais propensos a atacar no atacar.

10- Mantê-lo numa jaula como forma de castigo

O que você quer é que o seu cão associe a casota a um lugar seguro e confortável, não como local de castigo. Se quer que o seu cão seja obediente sobre começar a ir para a casota quando é hora de dormir ou quando tem queir à fora, nunca como a punição.